Fardo da dívida

28 de Agosto, 2018, e

Em entrevista, Vítor Bento defende o ajustamento dos últimos anos, sem o qual estaríamos hoje "numa situação desgraçada", e defende que a redução da dívida pública deveria ser mais ambiciosa.