6 novos patrimónios mundiais

Artigo incluído na edição de Outubro 2016
19 de Outubro, 2018,

Antes que sejam invadidos por multidões de turistas, conheça alguns dos locais na Europa que acabaram de entrar para a lista da UNESCO.

Túmulos Medievais

  • Localização: Bósnia e Herzegovina, Croácia, Montenegro e Sérvia
  • O Quê: 28 cemitérios e túmulos monumentais
  • Data: Século XII ao século XVI

Sítio arqueológico de Filipos

  • Localização: Grécia
  • O Quê: Cidade murada de Filipos
  • Data: Fundada em 356 a.C.

Dólmen da Menga

  • Localização: Espanha
  • O Quê: Conjunto de formações rochosas megalíticas e povoados
  • Data: Em óptimo estado ao fim de mais de 6500 anos

Tesouros arqueológicos de Ani

  • Localização: Turquia
  • O Quê: Grande e próspera metrópole medieval “a cidade das 1001 igrejas.”
  • Data: Fundada há mais de 1600 anos

Complexo de Cavernas de Gorham

  • Localização: Gibraltar
  • O Quê: Cavernas de Gorham

Arquitectura de Le Corbusier

  • Localização: Espalhada por todo o mundo
  • O Quê: Arquitectura moderna

A lista intemporal e clássica das “sete maravilhas do mundo”, que qualquer viajante que se preze deve visitar, foi sendo alargada e contém mais de mil locais extraordinários. A Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) acaba de classificar mais 21 locais como “Património Mundial” que devem ser protegidos em virtude do seu notável valor universal.
A lista dos lugares mais espantosos do mundo, que continua a incluir velhos marcos históricos como é o caso das pirâmides de Gizé no Egipto, da Grande Muralha da China e de toda a cidade de Veneza, aumenta a cada ano que passa, à medida que esta organização internacional vai atribuindo o estatuto de locais protegidos a novos lugares. Estes locais são seleccionados após um longo processo de candidatura e a sua classificação assenta em critérios bastante rigorosos, como o seu significado histórico, património comum, obra-prima do génio humano, beleza natural excepcional ou locais e obras representativas e que sejam prova do intercâmbio de valores humanos.
A lista de locais que são agora Património Mundial da UNESCO inclui lugares bastante variados que percorrem os quatro cantos do globo. É um verdadeiro consolo para os entusiastas da história e da arqueologia, que podem inclusive contar com uma categoria sem precedentes: o conjunto da obra arquitectónica do modernista e pioneiro Charles-Édouard Jeanneret-Gris, nascido na Suíça e mais conhecido por Le Corbusier. Conheça alguns dos destinos selecionados na Europa que deve visitar antes que se tornem destinos populares.